Sexta-Feira Santa

“Sustinete hic et vigilate mecum” são as palavras do nosso Salvador aos discípulos que escolheu para O acompanharem nos Seus amargos sofrimentos no horto das Oliveiras, quando estava prestes a ser traído. Também a nós dirige o Mestre estas palavras nesta Sexta-feira Santa, em que Seu amor por nós atingiu o ápice: Sua dolorosíssima Paixão.

Permanecer com Nosso Senhor, compadecendo-nos de Sua dor, é mais do que um convite da Igreja e, justamente por isso, para o dia de hoje foi instituída a observância do jejum e da abstinência. Por meio destas práticas o católico se coloca ao lado de Jesus, sofrendo na própria carne uma ínfima parte dos enormes sofrimentos de Cristo e unindo à Sua Paixão o pequeno desconforto da sua penitência.

Nosso seminário suplica a Nossa Senhora das dores a graça de bem viver a ação litúrgica em memória da Paixão e morte do Senhor, que se dará às 15h, e de haurir de suas belíssimas cerimônias e ritos, muitos frutos de santidade para seus seminaristas e para toda a Administração Apostólica.

https://www.youtube.com/watch?v=22Tq-H-lJ3Y&t=26s

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.